JavaScript is required to use Bungie.net

Comunidade em Foco - Pesty

O foco desta semana está sobre um dos artistas mais espetaculares da nossa comunidade. Seu trabalho é icônico e seu estilo é facilmente identificado. Nós queríamos saber mais sobre como ele cria suas singulares representações de personagens e equipamentos de Destiny. 

Com vocês, Pesty.

Oi! Que tal começar nos contando um pouco sobre você? 

Pesty: Oi! Meu nome é Ian, mas as pessoas me conhecem como Pesty, ou pelo meu apelido on-line, IanPesty. Arte e videogames sempre fizeram parte da minha vida. De uma infância cheia de desenhos e de jogos nas mais antigas versões de computadores domésticos e consoles, até os estudos em Artes Visuais na universidade e uma carreira na indústria de videogames enquanto Artista Conceitual e Diretor de Arte.

Eu me aproximei de Destiny quando comprei meu PlayStation 3, mais ou menos na mesma época em que A Escuridão Subterrânea [foi lançado], mas foi só perto do lançamento de Ascensão do Ferro que eu comecei a criar arte com o tema de Destiny, quando eu rascunhei e pintei um Titã na Bandeira de Ferro com um Machado Flamejante (com o qual ganhei um concurso para uma camiseta de Destiny), desde então eu nunca cessei as pinturas temáticas de Destiny!

Nos conte mais sobre como você cria essas lindas peças. Nos guie pelo seu processo, da inspiração aos retoques. 

Pesty: Eu acho que a experiência de Destiny me acompanha mesmo quando eu não estou jogando; acho que essa é uma das razões que me inspiram a traduzi-la em minha própria produção artística. Tipicamente [quando] eu vejo um aspecto de Destiny com o qual eu me identifico, eu procuro uma forma de representá-lo na minha arte adicionando meu estilo, como a Máscara do Olho Singular quebrada revelando um uma caveira sorridente, armaduras do Desafios imortalizadas na forma de sarcófagos, "Guardião Morto" refletido ao contrário em um visor estilhaçado por um tiro, os aspectos do São-14 resumidos em um brasão heráldico…


Meu processo varia, mas, tipicamente, eu coleto uma série de ideias e rascunhos que cresce com coerência e se transforma em uma imagem mais clara; aquelas que me motivam a traduzir em uma página são as que seleciono. Eu adoro trabalhar durante a noite enquanto ouço trilas sonoras atmosféricas e "podcasts" para criar um clima, com múltiplas xícaras de chá - muitas das quais eu esqueço de tomar e esfriam.


Ao longo dos últimos quatro anos criando arte inspirada por Destiny, minha abordagem tem variado, embora a estilização tenha se mantido constante. Nos últimos dois anos, eu tenho me estabelecido com um estilo mais consistente, ele é basicamente tonal – preto e branco, eu utilizo cores moderada e propositalmente quando acentuam o caráter da peça. Iluminação, composição e humor são componentes importantes, eu gosto de focar no assunto trabalhando minunciosamente. 

O mais notável é a criação da marca, expressa por meio de hachuras e texturas semelhantes a gravuras - a quantidade de pinceladas usadas para criar uma peça é provavelmente insana, mas há uma vibração zen nisso que eu gosto.
No geral, é importante para mim produzir uma peça que me empolgue e me desafie em termos de estilo e sujeito, algo que seja visualmente atraente e que inspire diálogo, algo de que eu goste e acredite que possa ser emoldurado e exposto em uma parede. 

Uau! Isso soa, ao mesmo tempo, relaxante e exaustivo. Nos conte sobre você enquanto Guardião – Quais são as suas subclasse e arma favoritas?

Pesty: Eu sou Caçador até o fim. Predador Noturno, Caminho da Emboscada tudo configurado com mobilidade/invisibilidade no máximo. Eu adoro poder desenvolver a fantasia de um assassino altamente ágil e invisível – sinto falta da maldade dos Punhos Selados de Ahamkara, e das Granadas de Fumaça duplas de Destiny 1… Quanto às armas, tem algumas das quais nunca me desfaço: Presa Veloz pela velocidade, o estilo visual limpo, e aquela animação, claro; uma combinação específica de Espoleta, Chacina, cuja pirotecnia sempre de faz sorrir e uma coleção de fuzis de pulso ([Garras do Lobo] e, Asa Vigilante), e de batedores ([Faca de Arremesso de Randy], Coelho de Jade) que são meus favoritos para o Crisol.

Predador Noturno, vejo que você é um homem culto também. Há algum projeto engatilhado ou trabalhos em progresso dos quais queira dar uma prévia?

Pesty: Atualmente, estou trabalhando na terceira e última peça (de Titã) na série dos sarcófagos do Exílio. Também comecei a trabalhar em uma ideia para uma peça temática do Festival dos Finados na qual quero me aprofundar.


Mal posso esperar pra ver. Nos conte a sua lembrança favorita de Destiny, seja no jogo ou fora dele com a comunidade. 

Pesty: Acho que todas as vezes que tenho a oportunidade de jogar junto com os amigos e artistas da comunidade são favoritas. Recentemente, participei de uma incursão com colegas artistas de Destiny, Kob, Brian Moncus, Pherian, Emily Megan com resultados hilários. Também concluí a masmorra, Profecia, com Mekki e Plain Ben, e a minha primeira experiência nos Desafios foi com Jake Myler e Mekki me carregando se é que me lembro corretamente… 

Fora do jogo, meu aspecto favorito de Destiny é o quão acolhedoras e solidárias são a comunidade de Destiny e a comunidade e equipes de desenvolvimento da Bungie. Viajar do Reino Unido para a GuardianCon/GCX e ter uma mesa na ala dos artistas foi uma experiência inesquecível, a qual, de agora em diante, eu quero repetir todo ano. A comunidade de Destiny é repleta de indivíduos criativos e solidários, os quais tenho a sorte de chamar de amigos. O conteúdo que eles criam e a interação que temos é incrível. Isso me motiva e me inspira. Também tenho que mencionar o fato de ter sido escolhido para a primeira leva de artistas destacados pela Bungie na série de Artistas da Comunidade, o que foi um grande momento.


É sempre muito bom ver você e a comunidade nos eventos. Onde as pessoas podem admirar sua arte na "web"?

Pesty: Vocês podes me encontrar no Twitter e no Instagram


 
Gostei do nosso papo. Tem algo que você gostaria de acrescentar antes de deixarmos você voltar a sua arte?

Pesty: Eu acho que já tomei muito do seu tempo como minhas respostas, mas se possível, eu gostaria de agradecer ao meu parceiro de esquadrão de longa data, Brynfinity, por sofrer a cada vez que despenquei de um penhasco, disparei minha âncora na cabeça dele, ou o obriguei a ouvir minhas opiniões sobre as ombradas dos Titãs. 😀

Finalmente, meu muito obrigado por me receber no Comunidade em Foco, é uma honra – mais uma grande memória envolvendo Destiny!

Vamos todos agradecer ao Pesty por nos ceder um tempo e nos contar mais sobre suas obras de arte aqui. Deem uma passada no seu Twitter e digam olá. Temos milhares de grandes artistas na comunidade de Destiny 2. Sigam @Bungie no Instagram para ver mais obras de arte fantásticas criadas pela comunidade. 

Quem tiver sugestões de nomes para os próximos artigos pode nos dizer pelo Twitter ou através dos fóruns.

Você não tem autorização para ver esse conteúdo.
preload icon
preload icon
preload icon